Quando somos flexíveis, permanecemos estáveis na companhia dos outros e conseguimos contornar os obstáculos que surgem de forma harmoniosa. Por isso tome a mão da disciplina para tornar firme a virtude da flexibilidade. Assim você assimilará novos padrões de pensamento e uma nova forma de comportamento. Deste modo, mesmo quando as circunstâncias mostrarem mudanças repentinas, você será como o oceano sem limites, capaz de submergir tudo e permanecer sempre calmo.”
António Sequeira, Virtudes para uma Nova Consciência, Centro de Raja Yoga Brahma Kumaris de Lisboa, 1999

3 comentários:

*Mi§§ §impatia* disse...

Aêeeeeee , atualizou o templo, brigaduuuuuu, mas sempre o mesmo aqui e la? eita preguicinha kkkkkkkkkkk
te amoooooooo, bjssssssss

ღPat.ღ disse...

Saber o valor de conviver na paz transforma as pessoas. Trabalhar a paciência é uma virtude que devemos exercer sempre.
O bom ambiente nós fazemos, transformamos ódio em amor.
Beijo Nega e um domingo especial.

[ rod ] ® disse...

Somente fortes e flexíveis tornamo-nos reais e aceitáveis ao mundo! Um bj carinhoso moça.