Procuro despir-me do que aprendi
Procuro esquecer-me do modo de lembrar que me ensinaram,
E raspar a tinta com que me pintaram os sentidos,
Desencaixotar as minhas emoções verdadeiras,
Desembrulhar-me e ser eu...

Alberto Caieiro/ Pessoa

Um comentário:

*Mi§§ §impatia* disse...

Lindo amiga, adorei.
To vendo o jogo depois entro no msn, mas to puta pq tamos perdendo affffffffffffff
bjsssssss te amo