Que eu seja doce mesmo quando tudo conspire para me despertar o ódio.
Que eu seja sereno e veja sempre o melhor desse mundo.
Que eu seja paciente ao ritmo do universo e compreensivo aos seus caprichos.
Que eu saiba quem sou e nunca me afaste da minha missão.
Que eu esteja em paz para não negar o meu sorriso.
Que eu tenha o entusiasmo apaixonado dos raros.
Que meus atos me tornem especial e único.
Que meu ofício me torne necessário.
Que minha alegria seja iluminada.
Que meus sonhos encontrem sempre seguidores.
Que meu corpo seja um santuário para a vida que me habita.
Que eu tenha disposição e profundidade para o amor.
Que a preguiça não me corrompa.
Que a minha transparência seja entendida sem rancor, raiva, inveja oudesconfiança.
Que as dores que me causam sejam justificadas com a luz que me proporcionam.
Que Deus me ilumine e que minha vida, a cada dia, valha a pena.

Alexandre Dahmer

3 comentários:

** Mi§§ §impatia ** disse...

Nossa, lindo texto, lendo e chorando... se encaixou pra mim no momento......
Beijos nega.

Tempestade disse...

E somente dizer amém!
Beijos Tempestuosos!

Alexandre Dahmer disse...

Muitíssimo obrigado por citar meu texto.

abraços e que continue assim, iluminando caminhos.

Alexandre Dahmer
http://alexandredahmer.blogspot.com/