Luz do sol

Que a folha traga e traduz

Em ver denovo

Em folha, em graça

Em vida, em força, em luz..

.Céu azul

Que venha até
Onde os pés
Tocam a terra

E a terra inspira

E exala seus azuis...

Reza, reza o rio
Córrego pro rio
Rio pro mar

Reza correnteza
Roça a beira

A doura areia...
Marcha um homem

Sobre o chão
Leva no coração
Uma ferida acesa

Dono do sim e do não

Diante da visão

Da infinita beleza...
Finda por ferir com a mão

Essa delicadeza

A coisa mais querida

A glória, da vida...Luz do sol

Que a folha traga e traduz

Em ver de novo

Em folha, em graça
Em vida, em força, em luz...

Reza, reza o rio
Córrego pro rio
Rio pro mar

Reza correnteza
Roça a beira

A doura areia...
Marcha um homem
Sobre o chão
Leva no coração

Uma ferida acesa

Dono do sim e do não
Diante da visão
Da infinita beleza...

Finda por ferir com a mão
Essa delicadeza

A coisa mais querida
A glória, da vida...

Um comentário:

miss disse...

Tá lindooooooo demais o blog nego......adorando........
mas que gambitinhos nessa foto heim?kkkkkkkkkkkkkkkkkk
bjssssssss